Guia para formatação de trabalhos nas normas da APA

As normas da APA (Associação Americana de Psicologia — American Psychological Association), nada mais são do que regras de formatação para citações e referências utilizadas por diversas instituições. De modo geral, elas são usadas em publicações científicas e não possuem regras específicas para trabalhos acadêmicos.

No entanto, no Brasil, elas são usadas frequentemente em conjunto com as normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) para facilitar a apresentação visual dos trabalhos acadêmicos. Ou seja, elementos textuais continuam seguindo o padrão nacionalmente estabelecido.

As normas da APA são usadas, de forma geral, em citações, referências, quadros e tabelas. Nesse guia, vamos dar enfoque nas citações, que são os elementos que causam mais confusão na maioria dos alunos.

O que são citações e como usar as normas da APA para fazê-las?

A citação nada mais é do que quando o autor do texto acadêmico usa as ideias de outros autores para salientar aquilo que ele está dizendo dentro do seu conteúdo.

Elas devem ser feitas sempre que o autor quiser dar ênfase em algo, usando conceitos e termos que não são seus. Para isso, é preciso seguir uma série de regras pré-estabelecidas nas normas da APA.

Normalmente, as citações possuem o sobrenome do autor citado, a data de publicação da obra em questão e as páginas de onde a frase original foi retirada. No final do trabalho acadêmico, a obra em questão também deve ser referenciada, seguindo, também, uma série de regras.

Nesse ponto você tem duas opções: 1) continuar lendo para saber como formatar cada uma dessas citações manualmente ou 2) Para fazer no Fastformat você pode criar um documento utilizando o template da ABNT e nas "Opçoes" selecionar as referências no estilo "APA". 

Confira abaixo como fazer citações usando as normas da APA.

Citações diretas (livros, artigos e trabalhos acadêmicos)

São as frases originais da obra do autor de base. Devem conter o último sobrenome do autor, bem como a data de publicação. Caso ela tenha menos, 40 palavras, a frase deve ser incorporada ao texto principal entre aspas. As que ultrapassarem essa quantidade devem ser escritas em formato de novo bloco, com recuo de 1,25 cm, tamanho fonte iguais a do texto e espaçamento simples.

Exemplo citação direta com menos de 40 palavras
Segundo SILVA (2010, p.42) “A psicologia é uma ciência que estuda o comportamento mental do ser humano”

Exemplo citação direta com mais de 40 palavras
“A psicologia é uma ciência que estuda o comportamento mental do ser humano. Para o exercício dessa área, é necessário a formação em psicologia, bem como a emissão de um CRP. Essa numeração serve como uma credencial que prova que o psicólogo está apto para exercer a profissão (Silva, 2010, p.42). ”

Citação direta de material da internet sem paginação

No caso das citações de conteúdo da web, é preciso informar tanto o nome do autor, quanto o ano de publicação e o número de páginas entre parênteses. No caso dos materiais que não tiverem paginação, você deve usar o número do parágrafo.

Citação indireta (livros, artigos e trabalhos acadêmicos)

As citações indiretas é quando o redator escreve, em suas próprias palavras, as ideias e conceitos do autor de base. Ele pode tanto fazer uma referência quanto parafrasear o outro autor. Aqui segue-se a mesma regra de sobrenome e ano, e dispensa-se o uso de numeração.
Além disso, nesse tipo de citação, não existe mínimo ou máximo de palavras. Contudo, é preciso que o redator fique atento para que o trecho não fique longo demais e a citação acabe se perdendo.

Exemplo:
Conforme SILVA (2017), é possível verificar um crescimento no número de casos de distúrbios como a depressão e ansiedade. De modo geral, observa-se que isso acontece, principalmente, por conta da rotina corrida dos indivíduos, bem como a falta de acompanhamento profissional.

Citação de citação

Em muitos casos, o redator precisa utilizar um trecho que contém uma frase de outra obra. Chamadas de fontes secundários ou citação da citação, essa forma de referência também precisa seguir as normas da APA.
Você deve colocar o nome do autor da obra original, seguido do ano (caso encontre) e em seguida o termo “como citado em”, se o artigo ou livro for em português e “as cited in” se eles estivem em inglês. Depois, é preciso colocar o autor, ano e página da obra que você está consultando. Nas referências basta colocar os dados da obra consultada.

Exemplos citação da citação em português:
O Brasil tem presenciado um crescente número de casos de estresse, depressão e ansiedade entre os jovens da Geração Millennials (ALMEIDA, 2016 como citado em SILVA, 2017, p. 734).
Brazil has witnessed an increasing number of cases of stress, depression and anxiety among the youth of the Millennial Generation (ALMEIDA, 2016 as cited in SILVA, 2017, p. 734).

Citação com um autor

O nome do autor da obra consultada pode ser colocado tanto dentro ou fora de parênteses, sempre com a primeira letra maiúscula e acompanhado do ano de publicação do material. O mesmo vale para a referência, que também deve conter o ano da obra, o local de publicação e a editora que publicou a obra.
No caso de livros, artigos ou trabalhos científicos retirados da internet, na referência também deve constar o link de acesso ao material, após “Disponível em: ”. Essa regra é válida para materiais com diferentes quantidades de autores.

Exemplo na citação:
Silva (1999) ou (Silva, 1999)

Citação com dois autores

No caso de obras com dois autores, os sobrenomes devem ser colocados conforme a ordem do material original, sempre com a primeira letra maiúscula e seguido do ano de publicação. As regras de referência continuam sendo as mesmas para obras com um autor.

Exemplo citação:
Almeida e Silva (2016) ou (Almeida & Silva, 2016)

Citação com três a cinco autores

No caso de uma única citação, você precisa colocar o nome de todos os autores conforme a ordem da obra consultada, seguido do ano de publicação. Caso haja citações subsequentes, não é necessário repetir o processo, basta inserir o sobrenome do primeiro autor, seguido de “et al.” e ano de publicação.

Exemplo citação:
1ª citação dentro e fora dos parênteses
(Almeida, Silva, Pereira, & Gomes, 2002) ou Almeida, Silva, Pereira, & Gomes (2002)
Citações subsequentes
Almeida et al. (2002) ou (Almeida et al., 2002)

Citação com seis ou mais autores

No caso de obras consultadas que tenham seis ou mais autores, as Normas da APA estipulam que, na citação, deve-se citar apenas o sobrenome do primeiro, seguido de “et al” e o ano de publicação do material. Já nas referências é preciso colocar os sobrenomes de todos os autores seguindo a ordem da obra.

Exemplo na citação:
Silva et al. (2003) ou (Silva et al., 2002)

Citação com vários autores corroborando de uma mesma ideia

Em muitos casos, o redator pode optar por usar vários autores que sigam uma mesma ideia. Aqui, é preciso colocar o sobrenome do autor e ano de cada obra citada, separados por ponto e vírgula e dentro de parênteses. A ordem deve ser a mesma das referências.

Exemplo no texto 1:
Atualmente, percebe-se que o crescimento de casos de distúrbios como depressão e ansiedade, também gerou um aumento na procura de medicamentos para o tratamento desses problemas, sem a prescrição médica adequada (Silva, 2016; Almeida, 2015; Gomes, Pereira & Alves, 2016).

Exemplo no texto 2:
Pode-se afirmar que o aumento dos casos de depressão se deve, principalmente, ao fato da falta de debate sobre o assunto entre a população, visto que Silva (2017), Almeida e Gomes (2016) e Pereira (2015) tem apontado que não existem campanhas do estado suficientes.

Citação com autores com mesmo sobrenome

É muito comum, também, que muitos autores tenham o mesmo sobrenome. Segundo as normas da APA, para organizar essas citações, é preciso colocar as inicias do autor consultado antes do sobrenome e seguido do ano de publicação da obra. Pode-se colocar a informação tanto dentro quanto fora de parênteses.

Exemplo na citação:
E. C. Silva (2005) ou (E. C. Silva, 2005)
A. G. Silva e Almeida (2008) ou (A. G. Silva & Robles, 2008)

Citação de um mesmo autor com várias datas de publicação

Outro caso muito comum é que uma mesma obra pode ser republicada em anos distintos. Caso o redator consulte essas diferentes versões, ele deve citar o nome do autor (sempre com a primeira letra maiúscula), seguido dos anos de publicação da obra, entre parênteses,

Exemplo no texto:
Segundo Silva (2014, 2015, 2016, 2017), para combater o aumento de casos de distúrbios mentais é preciso não só incentivar a pesquisa científica dentro dessa área, como, também, estimular o debate entre a população.

Citação de autoria institucional

Geralmente é usada quando são citados dados de órgãos do Governo, entidade, corporações e associações. Na primeira citação deve-se colocar o nome da instituição por extenso, seguido do ano de publicação da obra. Já nas citações subsequentes coloca-se a abreviação do nome e o ano.

Exemplo 1ª citação
Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) (2017) ou (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC, 2014).
Exemplo citações subsequentes
IBGC (2014) ou (IBGC, 2014).

Conclusão

Essas são as citações mais utilizadas dentro de trabalhos acadêmicos. Importante ressaltar que as normas da APA, geralmente, são utilizadas apenas para citações e referências, os demais elementos textuais seguem, normalmente, as normas da ABNT.
Você pode utilizar esse template para começar a escrever nessa norma: https://fastformat.co/e/template/apa-american-psychological-association-6ed

Conheça o FastFormat:

normas da apa formatacao automatica texto abnt

Um comentário em “Guia para formatação de trabalhos nas normas da APA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.