7 passos para fazer uma entrevista no seu TCC

Uma das metodologias mais utilizadas no mundo, tanto no contexto acadêmico para entender novas tendências e conceitos, quanto no contexto empresarial para estudar a aceitação de um determinado produto no mercado. A entrevista é utilizada para coletar informações objetivando descrever, comparar ou explicar um determinado conhecimento, atitudes e comportamentos. Esse artigo marca o início de uma série de textos relacionados a esse tópico.

Nessa primeira parte iremos apresentar os principais passos para a organização, administração e análise de uma entrevista. Vale a pena salientar que o sucesso ou fracasso de uma entrevista é determinado ainda no seu planejamento. Por isso a importância de entender bem esses passos iniciais.

A imagem a seguir ilustra os diferentes passos que lhe ajudarão a entender todo o processo de criação, execução e análise de dados de uma entrevista. Na sequência elaboramos, para cada passo, dicas e perguntas que tornarão o planejamento e execução da sua entrevista mais fácil.

tudo2

Identificar os objetivos de pesquisa

  • O que você quer levantar com sua pesquisa?
  • Que informação já existe sobre esse tópico que você deseja abordar?
  • Você deve pensar sobre qual é a sua questão de pesquisa e como sua entrevista irá ajudar a responder essa questão.

Identificar e caracterizar o público alvo

  • Quem irá responder seu questionário (público alvo)?
  • Que suposições você pode fazer sobre o assunto?
  • Quais os termos mais comum utilizados para abordar esse assunto?
  • O que posso fazer para aumentar minha taxa de resposta?

Projetar o plano de amostragem

  • O quão grande será o número de entrevistados do público alvo?
  • Nós podemos enumerar esses possíveis entrevistados?
  • Como garantimos que as pessoas que responderam a entrevista sejam representantes desse público? 

Projetando e escrevendo o questionário

  • Ambiguidade, sinônimos, termos muito específicos e gírias devem ser evitados durante o processo de escrita das questões.
  • Faça questões pensando em suas possíveis respostas e como você irá juntar todas essas respostas para fazer a análise.
  • Pense em como as respostas das questões podem ser comparadas (combinadas) entre si. Isso irá facilitar e enriquecer sua análise de dados.

Testado e avaliando o questionário

  • As questões devem ser previamente respondidas por alguns membros da população que será entrevistada. Ou seja, fazer uma “entrevista piloto”.
  • Isso servirá para fazer ajustes: melhorar suas perguntas; identificar possíveis novas perguntas; verificar se as perguntas ajudam a responder a questão de pesquisa, etc.

Distribuindo o questionário

  • Você pode utilizar várias ferramentas que irão ajudar você com essa tarefa: e-mail, questionário impresso, redes sociais, etc.
  • Você deve considerar a informação levantada no passo Projetar o Plano de Amostragem para encontrar a melhor maneira de distribuir o questionario tendo como base características coletadas do seu público alvo. Exemplo: se seu público alvo está presente nas redes sociais, você pode utilizar sua rede de contatos para divulgar o questionário.

Analisando e Escrevendo os Resultados

  • Os resultados devem ser coletados e disponibilizados por meio de gráficos. Tenha cuidado na escolha do tipo de gráfico. Quando possível, consulte um estatístico para saber qual o melhor tipo de gráfico para representar seus dados.
  • Esses gráficos podem ser reunidos em um relatório onde você irá colocar suas interpretações, inferências e generalizações.
  • Você terá resultados ainda mais interessantes quando você começar a cruzar dados de questões diferentes. Por isso é necessário preparar bem o passo Projetando e Escrevendo o Questionário.
  • Você pode utilizar esses templates/modelos disponíveis no FastFormat.
  • No FastFormat você encontra todas as seções que você deve considerar na hora de escrever um artigo ou TCC com uma entrevista.

Você deve, preferencialmente, executar esses passos de forma sequencial e, sempre que necessário, voltar aos passos anteriores para fazer ajustes à medida que seu entendimento do assunto evoluir. Entretanto, uma vez distribuído o questionário, não é possível voltar atrás. Por isso é tão importante executar os passos inicias cuidadosamente.

Dicas para fazer a entrevista

  • Antes de executar a entrevista em definitivo, faça um teste piloto para avaliar a qualidade das perguntas e respostas que você conseguirá. Nessa fase você ainda pode fazer ajustes nas perguntas para ter os melhores resultados.
  • Marque a entrevista com os participantes com antecedência, se possível mande lembretes a medida que o dia da entrevista vai chegando.
  • Caso opte for fazer uma entrevista presencial, leve um gravador de voz para que o entrevistado não fique esperando a próxima pergunta enquanto você anota suas respostas. Você pode utilizar ferramentas que auxiliam a entrevista.
  • Antes de iniciar a entrevista certifique-se que o entrevistado concordou com os termos da entrevista e autorizou a gravação e anotação das suas respostas.
  • Muito cuidado para não deixar a entrevista cansativa, avalie se você realmente precisa de cada uma das perguntas e pergunte o essencial para o seu trabalho.
  • Procure incentivar o entrevistando a falar mais nas respostas, tenha cuidado para não influenciar nas respostas e procure ouvir mais do que falar.
  • Não espere muito tempo do momento em que coleta e analisa as respostas da data que a entrevista foi feita. Quanto mais tempo menos você irá lembrar do que foi discutido. A gravação é muito importante para mitigar esse problema.

Referências: 

Designing an Effective survey. Technical report from Software Engineering Institute.

Add comment

::CLOUDFLARE_ERROR_500S_BOX::