Saiba as diferenças entre curso, palestra, workshop, simpósio e congresso

Se está na hora de você começar a apresentar seus trabalhos de pesquisa, ou mesmo se seu grupo está planejando organizar algum encontro acadêmico, é importante saber a diferença entre palestra, curso, workshop, simpósio e congresso para decidir qual se encaixa na sua pretensão atual.

As reuniões científicas têm por finalidade promover a interação entre pesquisadores, a divulgação e discussão de suas respectivas pesquisas pelos seus pares.

Muitos documentos escritos, como por exemplo os resumos em anais são produzidos nestas reuniões que, com a adoção da forma digital, alcançam um público muito maior do que o presente no evento.

Cada evento científico leva a diferentes resultados. Por isso é preciso saber o que esperar de cada um. Este post vai apresentar as características gerais dos eventos científicos mais frequentes. Acompanhe com a gente!

Conhecendo as características de curso, palestra, seminário, workshop, simpósio e congresso

Aprendendo com o curso 

Não é difícil entender como funciona um curso, não é mesmo? Mas, há alguns pontos que devemos considerar para entender melhor como se desenvolve o curso.

O objetivo de um curso é detalhar, aprofundar um determinado assunto ou um conjunto de conteúdos relacionados, com foco em repassar conhecimento. É ministrado por especialistas em determinado campo, mais direcionado à teoria do que a prática. Porém, isso não impede que haja uma parte executiva.

Essa modalidade de encontro científico é bastante indicada para quem tem pouco ou nenhum conhecimento sobre a matéria. A não ser os cursos de especialização cujo objetivo é atender a um público que já tem domínio do assunto e deseja trocar informações.

O que esperar de uma Palestra

É um dos encontros de mais curta duração, em média de 1 a 2 horas. Consiste em uma apresentação sucinta de uma novidade (descoberta, abordagem, legislação, etc.) de um determinado tema. O público é formado geralmente por pessoas que tenham algum conhecimento sobre o assunto.

Os tópicos em uma palestra não são abordados em profundidade. Porém, deverão ser atraentes o suficiente para despertar o interesse da assistência, levando a questionamentos e reflexões.

No caso de a palestra ser proferida por um único expositor, existe a possibilidade de se encontrar um viés tendencioso às opiniões do palestrante. Se houver mais de um orador, a presença de um moderador poderá ser requerida.

As palestras poderão ou não abrir espaço para uma sessão de perguntas e respostas com o público ao final da apresentação, ou mesmo, se previamente combinado, as questões poderão ser levantadas durante a fala do expositor.

Assistir a palestras científicas é um bom começo para conhecer uma área de trabalho na qual você tenha interesse em atuar.

A dinâmica do Workshop

É um evento que visa aprofundar um determinado assunto com atividades práticas. Tem caráter de formação ou de treinamento, apresentando casos realistas com a participação intensa do público.

O workshop comumente é um ambiente informal onde há troca de informações. Um ou mais expositores apresentam a situação (problema) estimulam e conduzem os participantes a buscarem soluções.

O trabalho culmina com propostas para aplicação das soluções na vida diária, seja no laboratório de pesquisa, na sala de aula, nos consultórios, nas empresas. etc. Os participantes não são meros espectadores da exposição; não ficam apenas assistindo à apresentação dos facilitadores; são atores em todo processo.

Como é um Simpósio

Diferente de outros tipos de reunião, em um simpósio não são expostos resultados de uma pesquisa. Embora a maioria desses eventos seja de cunho científico a reunião é para discussão de um tema, geralmente uma “novidade” específica da área do conhecimento. Um simpósio é mais específico do que um congresso.

Alguns oradores, pessoas normalmente com formação sólida na matéria, reúnem-se para expor suas ideias a respeito do assunto em questão. Cada um faz a sua fala e ao final o público pode fazer perguntas diretamente aos apresentadores. 

O objetivo é trocar informações e não debater ideias. Por isso, faz parte da dinâmica do simpósio a atuação de um moderador. 

O que acontece em um Congresso

Congresso é uma reunião de grande porte, que dura vários dias, quando são programadas diversas atividades tais como: grupos de debate, sessões de apresentação oral e em pôster, mesa redonda, entre outros. 

Para conduzir atividades como palestras, cursos de curta duração, promover oficinas, etc. são convidadas figuras de expressão em suas respectivas áreas com o objetivo de atrair o maior número de participantes.

Geralmente os congressos científicos são organizados por entidades representativas das áreas específicas, como as sociedades, as associações, conselhos, institutos, etc.

Os congressos podem ser de âmbito estadual, regional, nacional ou internacional. Nesta última categoria participam cientistas que desenvolvem suas pesquisas fora do país.

Para apresentar trabalhos em congressos é necessária inscrição prévia, com elaboração de um resumo da pesquisa e obter aprovação da comissão organizadora. Certificados de apresentação em bons congressos enriquecem o currículo lattes.

Em todos os trabalhos acadêmicos você pode contar com a Fastformat para colocar nas normas padrão ABNT.

Bom Trabalho!

Add comment

::CLOUDFLARE_ERROR_500S_BOX::